Google+ Meu Mundo: Parabéns EZLN & Feliz Ano Novo Parte 1

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Parabéns EZLN & Feliz Ano Novo Parte 1


Emiliano Zapata um revolucionário do início do século 20, inspirou algumas pessoas depois de sua luta contra o regime autocrático de Porfirio Díaz que encadeou a Revolução Mexicana em 1910, e essas pessoas então formaram o Movimento Zapatista.

O dia mais importante para o movimento zapatista moderno foi 01 de janeiro de 1994, quando a guerra foi declarada contra o governo mexicano e durou até um cessar-fogo em 12 de janeiro do mesmo ano, após eles conquistaram seis municípios no estado de Chiapas, exigindo democracia, liberdade, terra, pão e justiça para os índios. No entanto, este foi apenas o começo do movimento. Há áreas em Chiapas que são declaradas zonas Zapatista e muito comum de se ler a frase "Você está em território Zapatista em rebeldia. Aqui manda o povo e o governo obedece".

Eles também carregam uma mensagem de revolução e um desejo de mudança, mas para os rebeldes zapatistas chegar a um lugar de "destaque" não era algo que o governo ia permitir que acontecesse facilmente. Houve contestação e varias tentativas de minar o movimento.

Os povos indígenas maias, com inspirações Zapatistas, formaram em Chiapas (estado mais pobre do México) o Exército Zapatista de Libertação Nacional (EZLN). Oprimidos por gerações, eles finalmente saíram com capuzes pretos e armas nas mãos dizendo Ya Basta! (Já Basta!). As frustrações e raiva se tornaram o combustível para forjar uma maneira diferente e buscar a independência de regimes racistas. Algo que é especialmente atraente sobre o zapatismo é a estrita observância da igualdade. Mulheres são tratadas sem discriminação e todos os membros usam máscaras, assim ninguém poderia ser identificado como um líder.



A economia das cidades zapatistas se baseia na economia de produção e subsistência e também pela confecção de materiais indígenas à venda para turistas, toda a renda é controlada sem hierarquia, pelas Juntas de Bom Governo que também proíbem estritamente o tráfico de armas, semeadura e consumo de drogas, bebidas alcoólicas, venda ilegal de madeira e a destruição da natureza.

O EZLN tinha diversos porta-vozes e o subcomandante Marcos se tornou a figura mais reconhecida e principal porta-voz deles, e o governo acreditava que se o desmascarassem e revelassem sua identidade o minariam como o comunicador para o movimento. No entanto 100.000 marcharam sobre a Cidade do México cantando "Nós somos Marcos!".

Marcos passou a responder às tentativas de desmascara-lo, dizendo:

"Sim, Marcos é gay. Marcos é gay em San Francisco, negro na África do Sul, um asiático na Europa, um hispânico em San Isidro, um anarquista na Espanha, um palestino em Israel, um índio maia nas ruas de San Cristobal, um judeu na Alemanha, um cigano na Polônia, um mohawk em Quebec, um pacifista na Bósnia, uma única mulher no Metro em 22:00, um camponês sem terra, um membro de gangue nas favelas, um trabalhador desempregado, um estudante infeliz e, é claro, um zapatista na montanhas. Marcos é todos os explorados, marginalizados, minorias oprimidas resistindo e dizendo 'Chega'. Ele é todas as minorias que agora está começando a falar e toda maioria que devem calar e ouvir. Ele é todo grupo intolerado procurando uma maneira de falar. Todos os intolerados buscando uma palavra, sua palavra. Tudo que incomoda o poder e as boas consciências, este é Marcos ".

Ao confessar ser preocupado com o grupo de pessoas excluídas e marginalizadas, o subcomandante Marcos subverteu tudo o que o governo tentou jogar para ele e nesse processo, ele se tornou a voz de milhões de pessoas oprimidos de todo o mundo. Basicamente um gênio!

Algumas citações dele:

"Queremos um mundo onde muitos mundos são possíveis".

"O que vamos fazer é sacudir este país de baixo para cima, buscá-lo e transformá-lo em sua cabeça".

"Nós aprendemos há muito tempo que nunca devemos nos sujeitar aos horários dos poderosos. Nós tínhamos que seguir o nosso próprio calendário e impô-la aos que estão acima. "

"Lamentamos o inconveniente, mas esta é uma revolução."

Se quiser confira o site do movimento http://www.ezln.org.mx (em Espanhol)



Então em homenagem ao EZLN que começou em 1º de janeiro e agora na virada do ano estará completando 18 aninhos quero desejar a todos um feliz ano novo, acreditem em si, nos seus propósitos e espero que tenham um próspero ano novo de luta, vitória e mudanças sociais e políticas para você, para nossa população e para a nossa nação.
blog comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...